Blog dos docentes, investigadores e alunos de Ciência das Religiões na Universidade Lusófona (Lisboa)
.posts recentes

. RAMADAN - PRIMEIRA PARTE

. FALTAM APENAS DUAS SEMANA...

. JEJUM, UM ALIMENTO PARA A...

. “LA ILAHA – ILLA LLAH” – ...

. MI'RAJ — A Ascensão do Pr...

. RELEMBRANDO: A NOITE DE M...

. OS INÚMEROS BENEFÍCIOS PE...

. OS INÚMEROS BENEFÍCIOS PE...

. OS PRIVILÉGIOS E AS RESPO...

. SURAT FUSSILAT

.arquivos

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Abril 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

Terça-feira, 5 de Agosto de 2008
A MÃE DE TODAS AS TENTAÇÕES

 

 
«Então a serpente disse à mulher: (…) sereis como Deus» (Génesis 3:4,5).
 
 
«Sereis como Deus», não é nenhuma proposta honesta ou promessa bondosa: é a mais pérfida, a mais manhosa, a mais matreira de todas as tentações.
 
Não, não caiamos nessa arriosca! Não nos bastaria sermos deuses, anjos ou demónios: a nossa grandeza, a nossa riqueza, a experiência extática da vida está no facto de sermos Homens! «O Homem de carne e osso, aquele que nasce, sofre e morre – sobretudo que morre», escrevia D. Miguel de Unamuno.
 
Escondida na aparente candura dessa oferta está uma ratoeira fatal:
 
«Sereis como Deus» é a tentativa da desumanização, da extinção do Homem. Implica anular a especificidade da sua existência, porque ser como Deus implicaria deixar de ser Homem. E isso é que não – tudo menos isso.
 
«Sereis como Deus» é um convite à fuga, à alienação; é a tentativa de levar o Homem a desistir de viver todos os pesares e prazeres que só o Homem pode experimentar. Significa levá-lo a perder todas as dores e doçuras que a vida de Homem nos traz: chorar e sonhar, errar e reinventar, cair e voar!
 
«Sereis como Deus» é a tentativa de encerrar o Homem no totalitarismo do único contra a liberdade da diversidade, da celebração da diferença. Melhor do que a mesmice de sermos todos como Deus é o facto de ninguém ser obrigado a ser como ninguém.  
 
«Sereis como Deus» não chega: é melhor ser aquilo em que o próprio Verbo Divino se tornou: Homem!
 
Luís Melancia
Professor na Lic. de Ciência das Religiões

 

 

publicado por Re-ligare às 22:45
link do post | comentar | favorito
|
1 comentário:
De Re-ligare a 6 de Agosto de 2008 às 22:58
Caro Luís,

Mais uma vez nos trazes uma reflexão complexa. Já por várias vezes andei pelo trecho que referes e nunca ele me tinha despoletado o que dizes. Nunca o tinha olhado com os olhos com que mo apresentaste hoje.

E esse olhar levou-me ainda a um outro passo bíblico por onde tenho andado: as célebres tentações que sofre Jesus ao ir para o deserto. Ai, qual retoma desse momento inicial de onde Jesus viria buscar o resulotado do fruto do ventre de Eva, também a Jesus seria feita proposta semelhante.

A grande diferença é que Jesus podia já dizer Não! Sim, que é oferecido a Jesus senão... que seja Deus?

Por mais incongruente que nos possa parecer, a Jesus, Deus, o Demónio aferece que ... consiga ser efectivamente Deus. Sim, em termos estritos de poder, nada Jesus poderia desejar que não conseguisse.

O que é oferecido a Jesus, Deus, é que seja Deus à maneira do que seria um Homem a quem fosse possível ser ... Deus.

O que se mudificou, é que Eva nunca fora Deus e com a vertigem desse vislumbre embarcou na aventura. Jesus... sendo Deus... foi, de facto, Deus.

Retomada a natureza do episódio, tudo nas narrativas de Jesus seria diferente, ou não fosse ele a chave teológica da superação desse desejo antigo dos filhos de Eva em serem... Deus.

Abraço,
paulo mendes pinto

Comentar post

..
.mais sobre mim
.pesquisar
 
.Julho 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31
.links
.Fazer olhinhos
blogs SAPO
.subscrever feeds